Logo_2

Feeling | Vale a pena apostar em micro influencers?
22315
single,single-post,postid-22315,single-format-standard,qode-social-login-1.0,qode-restaurant-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,select-theme-ver-4.4,side_area_over_content,wpb-js-composer js-comp-ver-5.4.7,vc_responsive
Blog

Vale a pena apostar em micro influencers?

O influencer marketing tornou-se numa estratégia poderosa para as marcas. Hoje, as marcas querem chegar ao seu consumidor de uma forma mais subtil, e não tão agressiva, como é o caso das campanhas publicitárias.  Em vez de comunicarem directamente com potenciais consumidores, as marcas angariam online influencers que fazem chegar a mensagem do produto ou serviço ao seu público-alvo. É uma das maiores tendências digitais. As marcas necessitam de pessoas que comuniquem eficazmente os seus produtos e serviços – sejam elas experts em determinado assunto, celebridades ou bloggers/vloggers da atualidade – , mas o que determina, afinal, ser um bom influencer?

Há uns 20 anos, o passa palavra, a recomendação de clientes a outras pessoas era encarado com a máxima importância. Hoje, neste mundo digital, o worth-of-mouth vai muito além das recomendações que as pessoas mais próximas podem fazer. Agora, temos as Bloggers, Vloggers, Instagrammers, Youtubers, deixando-nos a todos perante a era dos Influencers. Na verdade, este já não é um conceito novo, mas uma nova fase parece estar a começar. Estamos a falar dos micro-influencers, onde também eles estão a ganhar a sua relevância, junto das marcas e das empresas.

A premissa do micro-influencer marketing é a mesma, mas numa escala mais pequena e segmentada.  A vantagem das marcas trabalharem com estes influencers, é porque os seus seguidores interagem mais com estas pessoas, em vez de fazerem anúncios mais dispersos e dispendiosos.

Ao contrário das grandes celebridades ou outros influencers com milhares de seguidores nas redes sociais, os micro-influencers são pessoas consideradas comuns,  mas mais autênticas. Segundo alguns especialistas,  um micro-influencer tem entre 1000 a 20000 seguidores e estima-se que ofereça cinco vezes mais engagement nas suas páginas do que os grandes influencers. Ou seja, estes bloggers ou vloggers de nicho – providenciam assim um Return On Investment (ROI) tão bom ou melhor quanto um influencer de maior escala, já que estamos a falar de uma audiência altamente específica.

A grande vantagem é que estes influencers são mais acessíveis a nível de investimento financeiro para as marcas mais pequenas e de média dimensão.
Sabemos que um influencer conceituado pode pedir bastante dinheiro por um post, enquanto que um micro-influencer não exige tanto. Muitos até consideram essas apostas das marcas também como uma forma de os ajudar a crescer e nem percebem o potencial que os seus conteúdos têm para a concretização de resultados. 

O certo é que, por terem normalmente audiências tão fiéis, os micro-influencers conseguem aparecer mais vezes nos feeds das redes sociais. Curioso é que todos querem ser grandes, mas o segredo, de futuro, poderá estar em manter uma audiência pequena, altamente interativa e segmentada.

No Comments

Post a Comment